Planejamento Estratégico – Aplicação

Planejamento Estratégico – Aplicação

1920 1080 Chiave Distribuidora

Entenda que  o planejamento estratégico  é de fundamental  importância para o sucesso do seu negócio. Ele deve ser visto como se fosse a bíblia para um religioso. Lembre-se também que quem estiver trabalhando ao seu lado deve ter claro o entendimento desse documento.

Vou listar aqui algumas etapas a serem seguidas que entendo corretas para o atingimento  dos seus objetivos:

1 – Missão, Visão e Valores:

Essa etapa deve ser levada com seriedade, porém, muitas empresas a conceituam, colocam em belos quadros na recepção e por fim viram paisagem. Os especialistas podem discordar  desse meu comentário, mas é a realidade do dia a dia. Faça ajustes ao longo do tempo e nunca os  esqueça.

A Missão, visão e valores são aspectos que definem a identidade e o posicionamento da organização, servindo como base para a construção de um Planejamento Estratégico eficiente.

  • Missão:razão pela qual a empresa existe
  • Visão:onde a empresa quer chegar
  • Valores:princípios inegociáveis

Vale lembrar que essas informações devem ser redigidas de maneira clara, sim escreva esses princípios no inicio  desse planejamento.

2 – Análise dos ambientes interno e externo:

Analise os fatores internos e externos que  exercem influência direta ou indireta nos processos da empresa.

Análise SWOT

Para tanto utilizar a chamada análise SWOT vai ajudar na direção dessa análise.

SWOT significa: Forças, Fraquezas, Oportunidades e Ameaças.

As Forças e as Fraquezas estão relacionadas ao ambiente interno da empresa. Já as Oportunidades e as Ameaças estão ligadas a fatores externos.

Exemplo:

S – Forças: funcionários motivados e engajados, produtos e serviços diferenciados, atendimento, logística etc.                               

W – Fraquezas: profissionais desmotivados ou desqualificados, aparato tecnológico obsoleto, processos internos muito burocráticos etc.                                                                                                  

O – Oportunidades: investir em nichos de mercado que ainda não tiveram suas necessidades atendidas.                                                         

T – Ameaças: crises política e econômica, legislação etc.

3 – Definição de metas e objetivos:

O terceiro passo do Planejamento Estratégico é a definição de metas e objetivos.

Agora cada passo que você dará ao longo de um determinado período deve ser descrito. Sim, escreva a ação e coloque uma data limite para estar executada a tarefa. Importante o seu comprometimento com a data estabelecida, claro cada integrante da equipe deve ter bem claro essas atividades e esses prazos. Nesse período pode ser que você tenha que mudar algo que foi determinado, não importa, o faça se necessário, o que tem ser alcançado é o objetivo inicial traçado.

Esta etapa tem relação com a seguinte, leia ela também antes de iniciar o planejamento.

4 – Definição do plano de ação:

O plano de ação está relacionado à execução das estratégias; é ele que especifica o papel de cada colaborador e os recursos necessários para colocar em prática todas as ações previstas no planejamento estratégico.

  • O que fazer?
  • Por que fazer?
  • Onde fazer?
  • Quando fazer?
  • Quem vai fazer?
  • Como fazer?
  • Quanto custa fazer?

Perceba que agora os recursos que você tem devem alocados em planilha e cada real utilizado deve lançado, isso fará com que ao fim do planejamento você terá visão total do quanto precisa de recursos e se ultrapassou seu limite de investimento poderá adequar a sua realidade.

Lembre-se também que suas vendas podem não acontecer de imediato, portanto, lembre-se de deixar recursos necessários para sua empresa sobreviver por algum período sem faturamento. Estimo que 3 meses é um ótimo tempo.

Para tanto é de fundamental importância você chegar ao custo fixo da sua empresa. Este é o valor mensal que você pagará para fazer seu negócio ser gerenciado.

Após o entendimento deste custo fixo você terá o custo variável da empresa que é aquele que existirá dependendo de fatores como sua venda, que determinarão o quanto de impostos você irá pagar. O combustível gasto também se assim precisar de deslocamentos também é variável.

Abaixo um exemplo prático do que pode ser um plano de ações:

  • O quê: Lançar um aplicativo da loja
  • Por quê: Garantir praticidade, conforto e segurança para os usuários
  • Onde: Mercado nacional
  • Quando: 01/01/2019
  • Quem: Departamento de Tecnologia da Informação
  • Como: Metodologia Agile
  • Quanto vai custar: R$ 20.000

5 – Mensuração e acompanhamento de resultados:

Mensurar e acompanhar os resultados é a última etapa do planejamento estratégico, por isso, adotar mecanismos de monitoramento das etapas  é extremamente importante para saber se tudo o que foi planejado está evoluindo de acordo com o esperado ou se há necessidade de efetuar determinados ajustes. Essa etapa é constante. Coloque no seu planejamento dia e hora de conversas com sua equipe, ou mesmo se toda a equipe for apenas você, isso fará com se recorde de algo que possa estar sendo esquecido. Existem muitas fontes de pesquisa na internet sobre este assunto, leia muito, converse, procure ajuda.

Vou torcer para que seu negócio prospere e tenha muito sucesso. Forte abraço!

Autor: Paulo Mendes – Diretor da Chiave Distribuidora

Email: paulomendes@chiave.com.br

Fonte de referência: Blog Mindminers de 02/07/2018 sobre planejamento estratégico